Saúde das aves

Tuberculose Aviária, uma doença perigosa

A tuberculose é uma doença crônica de aves adultas causada pelo agente Mycobacterium avium. É caracterizada pela formação de inflamações nas vísceras, perda de peso progressiva, enfraquecimento e morte.
O Mycobacterium avium é uma bactéria que pode permanecer no ambiente por vários anos, é resistente ao calor, baixa umidade, baixo pH e a maioria dos desinfetantes.
A tuberculose é uma doença de ocorrência mundial e infecta a maioria das espécies de aves domésticas e silvestres, sendo mais comum em aves de cativeiro. Afeta geralmente aves semi-adultas ou adultas devido ao longo período de incubação, que pode variar de semanas a meses.
A infecção ocorre pela ingestão de alimentos, água ou solo contaminados, após a ingestão, o Mycobacterium avium coloniza vários órgãos internos como fígado, baço, intestino, mesentério, medula e o pulmão. As aves infectadas e com lesões avançadas principalmente no intestino, eliminam o organismo pelas fezes.
Um dos principais sinais clínicos é a perda de peso de forma progressiva, há uma atrofia marcada dos músculos do peito salientando a quilha do esterno, algumas aves podem apresentar dificuldade de locomoção e diarréia. A infecção pode ocorrer em qualquer idade, mas os sinais clínicos demoram a aparecer, algumas aves podem ter morte súbita devido a ruptura do fígado.


A prevenção é a melhor maneira de combater o Mycobacterium avium dentro do plantel, baseada em boas regras de biossegurança e manejo. É recomendado evitar a mistura de aves de diferentes espécies e de diferentes idades, ao introduzir novas aves no plantel é importante conhecer a origem, respeitar o período de quarentena, além da realização de exames de detecção da doença.
O São Camilo Biotecnologia possui ótimas ferramentas para auxiliar na detecção do Mycobacterium avium, são os exames realizados através da técnica PCR que identificam as patologias através da pesquisa do DNA, com maior sensibilidade e precisão.

 

Gostou? Compartilhe com os amigos !!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *