0

Entrevista do mês – Álvaro Blasina

Canário é a orquídea que canta”, a poética frase foi relatada por um uruguaio radicado no Brasil desde 1984, Álvaro Luís Blasina Cartelle, ele deixa claro que a frase não é de sua autoria, mas sua veracidade e poesia denotam toda a sua paixão pela natureza, já que diz ter nascido amante da grande mãe verde. Logo aos 15 anos de idade as aves os encantavam: suas cores, seu porte imponente. Sua atuação profissional percorria as áreas dos negócios – executiva, vendas, planejamento – entretanto, ao longo dos anos a dedicação a canaricultura foi ganhando cada vez mais espaço e, atualmente, reside em uma chácara em Maricá – Rio de Janeiro, local que possui seu criatório, o Canaril Uruguai, com 400 m² e abriga cerca de 2500 aves das mais belas e exóticas colorações.

O criador ter se tornado referência no segmento de canários de cor e demonstra sua dedicação as aves dentro e fora de seu criadouro, já que é sumidade em campeonatos, ocupando a titulação de juiz internacional há 31 anos. Nesse âmbito, possui bagagem de mais de 300 julgamentos, dentre eles, os nacionais em campeonatos regionais e propriamente o brasileiro, bem como, julgamentos em vários países das Américas praticantes da canaricultura. Sobre suas titulações em campeonatos há um sem-número para contabilizar e ele ressalta com vivacidade: “escolha trabalhar com o que gosta e na verdade nunca irá trabalhar”.

Acredito que temos uma missão de acordo com nossas preferências. E eu sempre gostei muito de genética. É um universo fantástico”. O criador faz essa afirmação ao ser questionado sobre sua história e ligação com aves. Discorre em suas palavras sobre a incrível variabilidade genética dos canários: “faço atividade onde se ‘brinca’ com genética, sendo os genes os mais primorosos e belos comandantes da vida”.

Sobre o processo de criação de aves, o senhor Álvaro faz menção a importância do respeito as fases, cujas características estão delimitadas entre os meses de agosto aos meados de janeiro, onde foca-se no período de reprodução no plantel. Já entre janeiro e abril pode-se visualizar toda a beleza e qualidades dos exemplares. Em maio, junho e julho preparam-se as aves para os concursos que findam no último mês citado. Quando questionado sobre o tratamento destinado às aves, o criador destaca que em todos os processos são muito bem cuidadas, enfatiza a importância de ter colaboradores dentro dos criadouros, sendo que para o seu possui três – capacitados e conhecedores dos processos.

Hoje em dia toda classe de criadores precisa de divulgação para tirar esse estigma de que ocorre tortura. Está provado que o contato com animais de estimação é desestressante”. O criador frisa também de uma forma belíssima que esse tipo de criação traz à tona o milagre da vida, e que o nascimento destes seres ocasiona uma série de vantagens para as pessoas, sendo o canário um grande companheiro.

Como parte do crescimento pujante do Canaril Uruguai, Álvaro Blasina envereda para caminhos longínquos e, certamente, promissores: levará o seu trabalho, bem como, o nome do Brasil para além das fronteiras do país. Mas o que significa isso? Significa que o criador terá o desafio de trabalhar com exportações de aves e destaca que o seu delineamento é um trabalho multidisciplinar e que exige muita dedicação. “Vamos começar a fazer com que a roda comece a girar”, fazendo alusão a dedicação e ao movimento necessários para que tudo isso realmente aconteça.

Canaril Uruguai e São Camilo Biotecnologia: uma aliança de sucesso

Para o São Camilo Biotecnologia possuir parceria com criadores como Álvaro Blasina, certamente, é uma certificação ímpar de que o trabalho que vem sendo desenvolvido ao longo dos anos é sério, responsável e digno de alianças como essa. Uma enxurrada de elogios emergiu quando feito questionamento sobre o laboratório: “tive a oportunidade de conhecer o São Camilo, sem dúvidas é uma estrutura de primeiro mundo. A qualidade técnica é digna de orgulho desse país”.

O criador destaca também que o monitoramento de saúde traz tranquilidade, já que as aves são seres vivos muito frágeis. Outro ponto de destaque é que grande parte dos esforços empregados na criação das aves deve ser a prevenção, sendo que todas essas atenções devem compor um cenário prático, entre criador, laboratório e médico veterinário.

Para conhecer mais sobre o trabalho de Álvaro Blasina, acompanhe sua página nas redes sociais AQUI.

Quanto aos exames de prevenção para esse inverno saiba mais através do link http://bit.ly/paineisrespiratorios. O São Camilo Biotecnologia trabalha com inúmeras frentes de exames: preventivos, registro genético, sexagem de aves, dentre muitos outros.

São Camilo Biotecnologia

O laboratório sediado em Maringá- PR surgiu em agosto de 2006 quando a parceria com o Grupo São Camilo, no mercado há 45 anos, oportunizou aos mestres em biologia molecular e genética, Valério Balani e Karen Takeda, o desenvolvimento de atividades relacionadas à biotecnologia. Esta utiliza a biologia molecular e genômica para o diagnóstico preciso de patologias, bem como, para o desenvolvimento de exames voltados à medicina preditiva, ou seja, que previne doenças e gera boa saúde e qualidade de vida.

A divisão está localizada na rua Conselheiro Tobias, 57, e atende pelos telefones (44)3029-9660 e (44) 98836-6978. Para mais informações sobre os exames acesse o site: http://www.scbiotec.com.br ou a página do Facebook São Camilo Biotecnologia.

Gostou? Compartilhe com os amigos !!
0

Entrevista do mês – Carlinhos Sorocaba

O criatório de Carlos Gonçalves está localizado em Sorocaba e é referência para muitos criadores e compradores de Canários de Porte

Com uma trajetória irretocável Carlos Gonçalves, mais conhecido como Carlinhos Sorocaba, conta com mais de 25 anos dedicados à criação de aves. O criador aplica-se atualmente aos Canários de Porte em seu espaço denominado Criatório Sorocaba, que abriga 2.500 aves. Para melhor manejo e dedicação essas aves estão subdivididas em cinco espaços, que totalizam 700 m². Quanto a modalidade são analisadas a características fenotípicas, ou seja, a formação física e a postura da ave.

Questionado sobre como houve o surgimento de seu gosto por animais Carlinhos Sorocaba explica que este surgiu na infância. “Sempre gostei de animais. No início de meus trabalhos com aves eu criava de maneira amadora, sem técnica. Quando conheci o que era realmente a criação, comecei a criar certo, utilizar corretamente as técnicas de acasalamento”, exemplifica. O criador dedica-se também aos estudos para aprimoramento de suas técnicas e acredita que sempre há algo novo para aprender.

O criador destaca que possui um planejamento anual e, dentre as tarefas, está a visitação a países europeus em busca de matrizes que são em parte responsáveis pela excelência evidente em seu criatório. Outro fator relevante em seu planejamento está o processo de preparação para exposições e campeonatos em que suas aves sempre competem culminando por muitas vezes na galeria de campeãs.

Sobre a preparação mês a mês Carlinhos Sorocaba descreve: “entre o final de julho e durante o mês de agosto preparamos os casais para acasalamento. Dos meses que se seguem até dezembro as fêmeas botam os ovos”. Ainda em dezembro, o criador explica que há separação no plantel para que se finalize o processo de reprodução no corrente ano. De janeiro a março acompanha-se o desenvolvimento das aves. Já em abril é o momento em que a ave prepara-se para enfrentar o inverno, ou seja, encerra-se nessa fase a troca de penas.

“A partir de maio as aves são separadas para exposição. Sendo apenas os filhotes possibilitados de participar, ou seja, este ano somente as aves que foram criadas no segundo semestre de 2016 estarão presentes”. O ciclo de exposições dura de maio a julho, encerrando-se com o Campeonato Brasileiro de Ornitologia que ocorre este ano no período de 06 a 16 de julho. Ao findar esse planejamento o trabalho não cessa, o criador reinicia todo o processo em busca do sucesso em sua criação.

Os eventos são porta de entrada para que criadores se interessem pelos trabalhos uns dos outros e, inclusive, gerem compras, bem como, trocas de experiências. Carlinhos destaca que ao longo desses anos fez inúmeras amizades proporcionadas pela dedicação em seu trabalho com os canários.

Criatório Sorocaba e a parceria com o São Camilo Biotecnologia

A aliança entre o Criatório Sorocaba e o São Camilo Biotecnologia vem de longa data. Carlinhos Sorocaba afirma que conheceu a excelência do laboratório por meio de um amigo em 2010. Sendo assim, desde essa época confia todos os exames de sexagem do seu plantel à metodologia eficaz e qualificada do São Camilo.

“A sexagem das aves eu faço todos os anos. Ela garante o trabalho com idoneidade e não gera descontentamento para aqueles que compram aves do meu criatório”. O criador ressalta também que indica os serviços do São Camilo para muitos amigos criadores por acreditar que o trabalho é realizado de forma organizada e com perfeição.

Ainda sobre outro importante exame oferecido pelo laboratório o criador destaca: “Todo criador deve fazer o Check Up Preventivo. Pois na hora da criação as doenças interferem”. Carlinhos destaca que para esse ano uma das prioridades é inserir ainda mais em seu criatório o Check Up Preventivo. Esse exame tem como finalidade pesquisar 12 doenças incidentes em aves e é importante método de prevenção oferecido exclusivamente pelo laboratório.

O criador salienta também sua satisfação com o trabalho oferecido pelo São Camilo Biotecnologia, e fica evidente o patamar elevado que o seu trabalho chegou, já que há criadores que compram suas aves há 10 anos. Quando perguntado sobre o segredo do sucesso o criador ressalta que “a honestidade é o que rege o meu trabalho”, finaliza.

São Camilo Biotecnologia

O laboratório sediado em Maringá- PR surgiu em agosto de 2006 quando a parceria com o Grupo São Camilo, no mercado há 45 anos, oportunizou aos mestres em biologia molecular e genética, Valério Balani e Karen Takeda, o desenvolvimento de atividades relacionadas à biotecnologia. Esta utiliza a biologia molecular e genômica para o diagnóstico preciso de patologias, bem como, para o desenvolvimento de exames voltados à medicina preditiva, ou seja, que previne doenças e gera boa saúde e qualidade de vida.

A divisão está localizada na rua Conselheiro Tobias, 57, e atende pelos telefones (44)3029-9660 e (44) 98836-6978. Para mais informações sobre os exames acesse o novo site: http://www.scbiotec.com.br ou a página do Facebook São Camilo Biotecnologia.

Gostou? Compartilhe com os amigos !!